Português

PORTUGUÊS PROF. MANOEL SOARES CONCORDÂNCIA VERBAL se os núcleos aparecerem em sequência gradativa. A falta de companhia, a solidão, a angústia levou-o ao bar, onde se embriagou. (ou levaram-no) A picada, a coceira, o nervosa. (ou deixara ora. to view nut*ge COM SUJEITO SIMPLE O verbo concorda co número e pessoa, estando o sujeito antes ou depois do verbo. sujeito simples “Chico Bóia, com toda a sua gordura, fazia misérias. ” (Zéliz Gattai) se os núcleo se referirem à mesma pessoa ou coisa. O cidadão brasileiro, o eleitor espera leis sociais mais justas.

A dona de casa, a mãe, a mulher é fundamental na mudança da sociedade. onjunto significativo. A sinceridade e a franqueza é uma virtude rara. (ou são) A casmurrice e a sisudez marcava o rosto do velho senhor. (ou marcavam) SINTAXE sujeito composto Cambaleavam na rua Romeu dos prazeres e Maria das Dores. Na tenda da mae-preta, ajudavam a todos Exu, Xangô e Ogum. PORTUGUES b Admite-se também a concordância do verbo com o núcleo mais próximo. Em um ano ocorreu a condenação do irmão e a perda da esposa. Nesta casa, mora a Vlúva e seus três filhos.

Quando o sujeito é formado de um coletivo singular seguido de ad’unto adnominal PAGF REPRESENTADO POR UM COLETIVO COM SUJEITO CONSTITUIDO DE PRONOMES DETRA AMENTO coletivo, o verbo concorda com ele. Quando o sujeito for constituido por um pronome de tratamento, o verbo vai para a 3a pessoa. O cardume escapou da rede. Os cardumes escaparam da rede. A boiada do fazendeiro seguia seu caminho. As boiadas do fazendeiro seguiam caminho. Vossa Excelência entrou em conflito com os parlamentares? Vossas Excelências entraram em conflito com os parlamentares? Vossa Senhoria se enganou na remessa de mercadoria?

Vossas Senhorias se enganaram na remessa de mercadoria? seu 2 televisão. PELOS PRONOMES RELATIVOS QUE E QUEM Se o sujeito for constituido pelo ronome relativo que, o verbo concordará em numero e pessoa com o antecedente desse pronome. Foram eles que pagaram a conta. Se o sujelto for constltuido pelo pronome relativo quem, o verbo irá para a 3a pessoa do singular. Fui eu quem pagou a conta. Fomos nós quem pagou a conta. OBSERVAÇÃO Na lingua popular, quando o pronome relativo quem aparece como sujeito, é comum o verbo concordar com o antecedente desse pronome.

Exemplos: Fui eu quem paguei a conta. Fomos nós quem pagamos a conta. COM SUJEITO ORACIONAL Se o sujeito for representado por uma oração, o verbo fica na 3a pessoa do singular. 1 a oração 2a oração Não adianta MANOEL SOARES A bebida ou o fumo prejudicam a saúde. No silêncio da noite, o barulho do grilo ou o do vento na folha aumentavam a insônia da Anita. O excesso de trabalho ou o excesso de ginástica provocam dores. COM NÚCLEOS DO SUJEITO LIGADOS POR COM Quando os núcleos do sujeito forem ligados pela preposição com, o verbo irá para o plural.

O pedreiro com o marceneiro não terminaram o serviço a tempo. Augusto Matraga com o casal de pretos começaram vida nova. O técnico com mais dois preparadores físicos pediram demissão. POR OU ligados pela conjunção ou, poderão ocorrer as seguintes concordâncias: Admite-se o verbo no singular quando se quer enfatizar o primeiro elemento do sujeito. Exemplos: A mulher com os filhos menores conseguiu a pensão almentar. O velho senhor com sua filha reagiu contra o motorista de táxi. Cl o verbo ficará no singular sem re ue houver ideia de exclusão. PAGF S sujeito.

Analisou-se o plano de reforma agrária. verbo transitivo direto sujeito Analisaram-se os planos de reforma agrária. verbo transitlvo o verbo irá para o plural se não houver ideia de exclusão. 4 Do lado de fora, ouvia-se o gemido do doente. PAGF 6 nem outro quiseram pedir desculpas. Nem a miséria nem a orfandade o bateram. Entregaram-se flores à mulher. direto e indireto Um e outro, nem um nem outro, nem… nem… —o verbo vai, de preferência, Entregou-se uma flor à mulher. COM SUJEITO FORMADO POR EXPRESSÕES Um dos que, uma das que – o verbo vai, de preferência, para o plural.

Eu era uma das que mais brincavam na escola. A editora parecia uma das que mais pagavam direitos autorais. O tradutor é um dos que menos aparecem e mais trabalham. d PAGF 7 nós admitem seguintes concordâncias: b O verbo concordará com o numeral, se este aparecer com determinantes. o verbo concorda com o pronome indefinido ou interrogativo, ficando na 3a essoa do plural. Os 87% da produção de arroz foram vendidos. Quais de vós são humildes? Quantos de nós lutaram por melhores dias? Alguns de nós telefonaram à polícia.

Muitos de nós assistiram à partida de valei. C] O verbo concorda pessoal. com o pronome Aqueles 30% de lucro obtido desapareceram. DA EXPRESSÃO HAJA Deu uma hora no relógio da matriz. 6 Deram cinco horas no relógio da matriz. Alguns dias de férias já me bastam. Naquele momento soavam oito horas. IMPESSOAIS Batiam dez horas e os bóias-frias abriam suas marmitas sob o sol forte. Esses verbos podem ter o Impessoais quando empregados em sentido figurado. Exemplos: Choviam salivas da boca de Mariqu•ta. As vozes trovejaram no meu ouvido.

Relampejavam contentes os olhos do menino, diante da vitrina. 30) Na língua popular é comum o uso do verbo ter, impessoal, no lugar de haver ou existir. Exemplos Em Monte Alegre do Sul tem festividades em homenagem a São Bom Jesus, padroeiro da cldade. Tem gente nova no pedaço. Tem dias que a gente levanta com o pé esquerdo. 7 CONCORDÂNCIA DO VERBO SER O verbo ser ora concorda com o sujeito ora concorda com o predicativo. Destacam-se os seguintes casos: Se o sujeito e o representados por nomes ou concreta) e um deles verbo concordará com

Leave a Reply:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *