Gabarito 4ª aula atomistica ligaçoes quimicas

Aula 4 – Ligações Químicas – Gabarito Questão 01 – Modelo do Octeto: Os elementos químicos que pertencem ao grupo dos gases nobres formam átomos estáveis, isolados e pouco reativos à temperatura ambiente. Esse comportamento deve-se, principalmente, à configuração eletrônica desses elementos os quais apresentam a camada de valência do tipo ns2 np6, sendo o hélio a única exceção dos gases nobres, pois apresenta configuração Is2.

Assim, verificou- se experimentalmente que os demais elementos representativos ligam-se entre si, a fim de atingir a configuração da camada de valência dos gases n OF6 orma, surge o deno ad Swipe nentp explicação plausível aa m pelos elementos rep o elétrons. Desta o, que fornece uma ncias formadas Questão 02 – a) o diagrama de Linus Pauling encontra-se apresentado nas anotações de aula. ) As distribuições eletrônicas para os átomos Xe Y são as seguintes: X 38): IS2 2s2 2P6 3s2 3P6 4s2 3d10 4P6 5s2 Y (Z: 53): IS2 2s2 2P6 3s2 3P6 4s2 3d10 4P6 5s2 4d10 5P5 X (Z— 38): 50 período — família II A Y (Z: 53): 50 perí0d0 – família VII A d) Fórmula de Lewis [picl d) Fórmula empírica ou molecular. : XY2 e) A ligação que ocorreu entre o átomo X e Y foi do tipo iônica, ma vez que o átomo X apresenta baixa energia de ionização elétrons) e o átomo Y alta afinidade eletrônica (tendência a receber elétrons).

Questão 03 – a) A ligação covalente normal ocorre quando dois átomos apresentam a mesma tendência de ganhar elétrons. Sob essas condições não ocorre a transferência total de elétrons, mas o compartilhamento de um ou mais pares de elétrons entre os átomos. Na ligação covalente normal cada elétron é proveniente de um dos átomos envolvidos na ligação. b) Inicialmente, é necessário realizar a distribuição eletrônica os átomos de carbono e oxigênio e, posteriormente, distribuir os elétrons da camada de valência nos orbitais.

O número de ligações covalentes que um determinado átomo realizará depende do número de elétrons desemparelhados encontrados na camada de valência do átomo. Sendo assim, para o carbono o número de elétrons desemparelhados após a hibridização será quatro, portanto o átomo realizará quatro ligações covalentes. por outro lado, para o oxigênio o número de elétrons desemparelhados será dois, portanto o átomo realizará duas ligações covalentes, conforme apresentado a seguir. ic] Questão 04 – para iniciar a resolução do exercício é necessário determinar o numero de elétrons presentes na camada de valência de cada átomo. Para tanto, é imprescindível a realização da distribuição eletrônica. O (Z=8): Is2 2s2 2p4 s (Z=1 6): Is2 2s2 2p6 3s2 3p4 (Z=13): IS2 2s2 2P6 3s2 3P1 a) 03 Fórmula de Lewis Al Fórmul Estrutural Fórmula b) Composto formado por átomos de alumínio e oxigênio empírica ou -molecular. ) Composto formado por átomos de aluminio e enxofre [PiC] d) S02 S03 Questão 05 a) Ligação covalente normal e coordenada b) Ligação iônica ) Ligação iônica d) Ligação covalente normal e coordenada Questão 06 – Para iniciar a resolução do exercício é necessário consultar a tabela periódica e coletar o número atômico dos respectivos elementos químicos. para o átomo de potássio (K) o número atômico é 19 e, para o átomo de enxofre (S) o número atômico é 16.

A seguir, é imprescindí ro número de elétrons 3 valência S (&16): Is2 252 2p6 352 3p4 camada de valência a) Fórmula de Lewis b) K (Z=19): Is2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s1 S (Z=16): IS2 2s2 2P6 3s2 3P4 Apresenta seis elétrons na 40 período – IA 30 período — VIA ) O átomo que apresenta a maior energia de ionização é o enxofre, pois entre K e S, o enxofre apresenta um raio atômico menor, assim seus elétrons encontram-se mais próximos ao núcleo e, consequentemente, mais atraídos pelo mesmo.

Desta forma, torna-se mais difícil remover um elétron do átomo de enxofre do que do átomo de potássio, portanto maior a energia de ionização do enxofre. d) A ligação que ocorreu entre o átomo de potássio e enxofre foi do tipo iônica, uma vez que o átomo de potássio apresenta menor energia de Ionização (maior tendência a doar elétrons) uando comparado a enxofre, e o átomo de enxofre apresenta alta afinidade eletrônica (maior tendência a receber elétrons).

Questão 07 a) Átomo X: família 6A . Grupo dos Calcogênios Átomo Y: fam[lia 2A . Grupo dos Metais Alcalinos Terrosos b) Partindo-se do pressuposto que os átomos encontram-se no mesmo período da tabela periódica, o que facilita o raciocínio, o menor potencial de ionização será encontrado no átomo do grupo 2, uma vez que esse átomo apresenta um raio atômico maior, assim seus elétrons encontram-se mais afastados do núcleo e, consequentemente menos atraídos pelo mesmo.

Desta forma, torna-se mais fácil núcleo e, consequentemente, menos atraídos pelo mesmo. Desta forma, torna-se mais fácil a remoção de um elétron do átomo do grupo 2 do que do átomo do grupo 16, portanto menor será a energia de ionização do átomo do grupo 2. c) O átomo X, pertencente ao grupo 1 6, apresenta seis elétrons na sua camada de valência enquanto o átomo Y, pertencente ao grupo 2, apresenta dois elétrons na sua camada de valência.

Assim, a fórmula de Lewis para a substância é a seguinte: d) A ligação que ocorreu entre o átomo Xe Y foi do tipo iônica, ma vez que o átomo Y apresenta a menor energia de ionização (maior tendência a doar elétrons) e o átomo X apresenta alta afinidade eletrônica (maior tendência a receber elétrons). e) Fórmula Empírica ou Molecular: YX. Na fórmula empírica ou molecular de uma substância iônica sempre, inicialmente, deve- se escrever o átomo que fornece elétrons, portanto o cátion, seguido do átomo que recebe elétrons, portanto o ânion.

Assim, a representação designa o par cátion / ânion de uma substância ionica. Questão 08 – A ligação iônica ocorre entre um átomo que presenta baixa energia de ionização (maior tendência a doar elétrons) e um atomo que apresenta alta afinidade eletrônica (maior tendência a receber elétrons). Portanto, em uma ligação iônica ocorre a transferência de elétrons do átomo de menor energia de ionização para o átomo de maior afinidade eletrônica.

Na ligação covalente não ocorre a transferência de elétrons, mas o compartilhamento de pare S ligação covalente não ocorre a transferência de elétrons, mas o compartilhamento de pares de elétrons, uma vez que os átomos envolvidos nessa ligação apresentam tendências semelhantes. Na igação covalente normal cada elétron é proveniente de um dos átomos envolvidos na ligação enquanto que na ligação covalente coordenada o par de elétrons é proveniente de apenas um dos átomos envolvidos na ligação.

Questão 09 – a) F (Z=9): 152 252 2p5 20 período — família VIII A b) Ca (Z=20): 1 s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 Questão 10 40 período – IIA a) Ligações covalentes que ocorrem na molécula da água 1 H- Isl : precisa ganhar 1 elétron 80 – Is2 2s2 2p4 : precisa ganhar 2 elétrons b) O nitrogênio é da familia VA portanto compartilha 3 eletrons com o hidrogénio. Questão 1 1 – a) S02 b)C0 c) zno

Leave a Reply:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *